Ser Presente

Ser Presente

SOBRE O SER PRESENTE

O Ser Presente é uma metodologia criada para ser aplicada nas escolas, destinado à autopercepção, à Atenção Plena, ao cultivo da autocompaixão, do amor e bem-estar.

É baseado na Neurociência Afetiva e em outras abordagens, que objetivam ativar as regiões do cérebro envolvidas em relações sociais e a empatia, bem como aumentar as possibilidades autorreguladoras e de autocontrole por meio da Resposta ao Relaxamento.

Compreende-se a Atenção Plena na perspectiva da Neurociência, sem comprometimento com nenhuma prática religiosa ou filosófica, porque se tem clareza de que a escola é um espaço laico de aprendizagem.

BENEFÍCIOS

bem-estar - LIM

Bem-estar

Maior consciência para gerir os próprios pensamentos e preocupações, além de promover a diminuição do estresse.

Concentração - LIM

Concentração e cognição

Consciência para direcionar a atenção a um melhor desempenho nas atividades em sala de aula, ampliando a memória de trabalho e evitando distrações.

Educação Emocional - LIM

Aprendizagem emocional

Percepção de si mesmo e equilíbrio para gerenciar os próprios sentimentos.

Social - LIM

Aprendizagem social

Estímulo ao autodesenvolvimento, à comunicação empática, à resiliência e à mudança, a fim de desenvolver novos comportamentos, por meio de observação e convivência com as pessoas.

O SER PRESENTE NÃO É

Prática religiosa – Algumas práticas do Ser Presente sugerem silêncio. Sabe-se que o silêncio e a contemplação desempenham um papel importante nas grandes religiões do mundo, mas essas práticas são laicas, ligadas à autopercepção, à Atenção Plena e ao cultivo da autocompaixão e do amor.

Exercício para esvaziar a mente – As práticas não têm como objetivo esvaziar a mente, e sim, silenciá-la. Os pensamentos sempre vêm e vão, e a atenção ajuda o aluno a relacionar-se com os pensamentos de maneira diferente, com maior consciência.

Apenas prática de relaxamento – O propósito do Ser Presente não é relaxar apenas, mas sim desenvolver habilidade para perceber as sensações do corpo e os pensamentos, mesmo quando há desconforto, preocupação ou alguma emoção aflorada, tal como: raiva, medo, alegria, tristeza. Quando se tem essa tomada de consciência, geram-se novos insights e escolhas.

o ser presente não é